Header Ads

“Por muitos anos, vimos os jornalistas brasileiros lidarem com várias questões relativas à insegurança, que vão desde grupos criminosos que tentam silenciá-los até empresários e autoridades públicas corruptas que discordam com aquilo que eles reportam”

- Hannah Storm, diretora do International News Safety Institute (INSI)

CNJ diz que TJ PI só cumpriu 4,9% da meta de julgamentos

Dados de relatório do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) atestam que os tribunais de justiças do Brasil estão deixando de informar, e dificultando a fiscalização, da chamada Meta 18, que versa sobre julgamentos de improbidade administrativa e crimes contra a administração pública. Neste contexto, o TJ do Piauí aparece com menos de 5% da meta cumprida.
De acordo com o levantamento, desde o ano de 2012, o Tribunal de Justiça do Estado tem meta de julgar 403 processos nesse campo específico. Informações transmitidas pela corte atestam, que em 2012, apenas 19 processo do total foram julgados. Do início de 2013 até abril, apenas 1 processo foi julgado.
Sendo assim, da meta estabelecida, somente 20 processos já tiveram andamento enquanto 383 ainda estão pendentes no Piauí. A meta 18 estabelece como prazo 31 de dezembro de 2013 para o cumprimento das ações por improbidade administrativa e penais relacionadas a crimes contra a administração pública distribuídas até 31 de dezembro de 2011.
Essa situação deixa o Piauí tendo cumprido apenas 4,96% da meta de julgamentos estabelecidas pelo CNJ e em último lugar perante as 21 cortes Federais e Estaduais.
Reação do TJ/PI
O Cidadeverde.com entrou em contato com a assessoria de imprensa da Corregedoria do Tribunal de Justiça do Piauí e teve como resposta que a situação atual da Meta 18, retratada no relatório, não condiz com a realidade.
Segundo o departamento, os processos estão avançados, mas os juízes deixam de alimentar a plataforma de acompanhamento do CNJ com informações.

Nenhum comentário

Comente mas não aumente

Todos os direitos autorais reservados a Ricardo Valle. Tecnologia do Blogger.