Header Ads

“Por muitos anos, vimos os jornalistas brasileiros lidarem com várias questões relativas à insegurança, que vão desde grupos criminosos que tentam silenciá-los até empresários e autoridades públicas corruptas que discordam com aquilo que eles reportam”

- Hannah Storm, diretora do International News Safety Institute (INSI)

A internet está mudando o mundo

  A internet aumentou consideravelmente os índices de sedentarismo e do ócio por parte dos mais jovens principalmente, pois muitos pais preferem ter os filhos grudados no computador, mas por perto que saber que eles estão fora de casa e longe de seu domínio. Ela também facilitou o contato com parentes e amigos de todos os cantos do mundo, ampliou as formas de entretenimento, onde é possível escutar músicas e assistir filmes com apenas um clique e ainda, possibilita a compra de diversos produtos que são entregues num prazo muito curto na porta de sua casa.
Como a Internet Está Mudando o Mundo
Como a Internet Está Mudando o Mundo
Essas são apenas algumas das vantagens da internet, que também é muito útil até mesmo para os mais aventureiros desfavoráveis a aparatos eletrônicos, pois pode ajudá-los a encontrar diversos outros lugares para explorar. No entanto, essas são apenas algumas das contribuições que a internet vem trazendo para sociedade atual. Embora sejam todas úteis e divertidas, nenhuma delas é tão importante quanto a informação, que pode ser divulgada e repassada de forma rápida e alcançar um número considerável de pessoas.

Os blogs por vezes são considerados diários virtuais, outros um guia de receitas, mas o importante é que independente de qual seja o assunto em questão difundido pelo mesmo, ele consegue um número considerável de internautas interessados no mesmo assunto estando espalhados pelo mundo interior. Antes existia uma limitação geográfica para isso, por exemplo, duas pessoas poderiam gostar muito de assuntos relacionados à tecnologia, mas se não morassem próximas uma das outras, dificilmente se conheceriam e poderiam então interagir com base no gosto em comum, no entanto, agora ficou bem mais fácil descobrir pessoas com gostos semelhantes e poder interagir com as mesmas através de e-mails, chats instantâneos e vídeo conversa. É comum que pessoas confundam conceitos de grande mídia e mídia pessoal num blog de grande porte e por vezes, existe até mesmo uma rivalidade entre estes e a grande mídia, que normalmente é manipulada.

Poucos meios de comunicação trouxeram tantas modificações e impactos na sociedade quanto a escrita e com a reconfiguração do espaço trazida pela internet, pois esta rompeu fronteiras, aproximou e assimilou culturas, opiniões parecidas passaram a surgir e a serem somadas de um modo surpreendente. A população insatisfeita encontrou um espaço onde passou a ter voz e apesar de não ser ouvida, passou a ser lida, encontrando seguidores e simpatizantes de suas opiniões, pessoas dispostas a ir às ruas e fazer algo para mudar a realidade que os cercava. Ainda não existe exemplo melhor que a onda de protestos que ocorreu no Egito e Tunísia no ano de 2011, onde um movimento que supostamente foi organizado pela internet levou a população às ruas e a depor seus ditadores. O enfoque foi para a rede social Facebook, mas os manifestantes também usaram o Twitter, o Youtube e principalmente seus blogs para disseminar a ideia. Após conseguirem depor os ditadores nos países citados, a onda de protestos foi ganhando proporção em países muçulmanos do norte da África e também no Oriente Médio, espalhando-se pelo Irã, Iraque, Iêmen e Bahrein. Todo esse ocorrido visa mostrar a proporção que uma insatisfação compartilhada na rede pode gerar, podendo chegar até mesmo ao ponto de transformações se os participantes estiverem dispostos a se desgastar. Durante os protestos, o governo tentou incessantemente reprimi-los, mas a ajuda da internet dificultou isso. Embora a internet tenha sido uma ferramenta de suma importância neste processo, vale lembrar que não foi a única responsável pelas mudanças ocorridas e pela mobilização da população, afinal elas tiveram inicio quando os últimos membros da oposição foram varridos do parlamento por protestar contra o governo, embora não nas mesmas proporções. O papel da internet facilitou em demasia todo o processo, mas ele acabou recebendo um papel central por aqueles que não estudaram da forma correta o que aconteceu, afinal todos os meios de comunicação foram válidos assim como em outras revoluções, inclusive pombo correio e radioamador. É claro que a revolução não se deu necessariamente por causa da internet, mas também é inegável que seu papel facilitou e muito a organização do povo.

Nenhum comentário

Comente mas não aumente

Todos os direitos autorais reservados a Ricardo Valle. Tecnologia do Blogger.