Header Ads

“Por muitos anos, vimos os jornalistas brasileiros lidarem com várias questões relativas à insegurança, que vão desde grupos criminosos que tentam silenciá-los até empresários e autoridades públicas corruptas que discordam com aquilo que eles reportam”

- Hannah Storm, diretora do International News Safety Institute (INSI)

Esperantina-PI; Agentes encontram celulares, pilhas e droga em unidade prisional

Em mais uma vistoria realizada nesta sexta-feira (31/03) na Penitenciária Luiz Gonzaga Rebelo na cidade de Esperantina, agentes penitenciários conseguiram apreender objetos que chegavam aos detentos sendo jogados pelo muro do presídio.


Drogas, celulares e pilhas AA foram interceptados. Eles foram encontrados na tela de proteção do teto das celas.

Os agentes perceberam que algo estava acontecendo, e durante a vistoria agiram rápido para chegar aos objetos antes que os presos tivessem acesso.

Foram 05 (cinco) aparelhos celulares, 03 (três) chips, 36 (trinta e seis) pilhas e quase 10 (dez) gramas de maconha. Como já foi explicado, as pilhas são usadas para recarregar os celulares, já que não há energia elétrica dentro das celas.

O gerente do presídio, Agnaldo Matos Lima, afirma que a fiscalização tem sido reforçada com relação a esse tipo de caso, mas que infelizmente os agentes não conseguiram identificar ainda quem vem jogando os objetos para o interior dos pavilhões.

Fonte: Com informações do Jornalesp

Nenhum comentário

Comente mas não aumente

Todos os direitos autorais reservados a Ricardo Valle. Tecnologia do Blogger.